Como Criar VM’s no VirtualBox

Pessoal esse post é bem básico mesmo, iremos abordar a criação de máquinas virtuais utilizando o VirtualBox. Ele é um sistema de virtualização muito útil para estudantes e profissionais de TI para elaboração de ambientes de estudo em geral, com ele é possível instalar diversos tipos de sistemas operacionais em uma só máquina. Para aqueles que não conhecem o VitualBox segue uma breve explicação abaixo.

virtualbox-logo

Explicação Sobre o VirtualBox

VirtualBox é um software de virtualização desenvolvido pela empresa Innotek depois comprado pela Sun Microsystems que posteriormente foi comprada pela Oracle que, como o VMware Workstation, visa criar ambientes para instalação de sistemas distintos. Ele permite a instalação e utilização de um sistema operativo dentro de outro, assim como seus respectivos softwares, como dois ou mais computadores independentes, mas compartilhando fisicamente o mesmo hardware.
Fonte: Wikipedia

Download do VirtualBox

Caso você ainda não tenha o VirtualBox instalado no seu computador basta fazer acessar Download do VirtualBox e fazer o download do programa de acordo com o sistema operacional que você utiliza. Não iremos abordar o passo-a-passo da instalação do VirtualBox, pois é bem simples, é o famoso “next – next – install” para os usuários de windows.

Criação da Máquina Virtual Passo-a-Passo

Bem com seu VirtualBox já instalado iremos começar a criação da máquina virtual, clique no ícone Novo na barra de ferramentas do VirtualBox.

criar vm 1

Depois defina um nome para sua máquina virtual, que tipo de sistema operacional e sua determinada versão. Em nosso caso estamos utilizando o Linux Ubuntu 14.04.

criar vm 2

Agora você precisa definir a quantidade de memória a ser utilizada pela máquina virtual, para a maioria das distribuições linux não é preciso mais de 512 Mb de memória para rodar o sistema sem a interface gráfica, mas caso você deseje instalar o Windows 7 por exemplo o mínimo indicado é que seja pelo menos 1 Gb de memória Ram.

criar vm 3

Agora iremos criar o disco virtual, selecione a opção criar um disco rígido virtual agora e clique em criar.

criar vm 4

Em seguida selecione a segunda opção, VMDK (Virtual Machine Disk), essa opção irá nos permitir importar esse disco para outros softwares de virtualização futuramente, por exemplo o Vmware.

criar vm 5

Selecione a opção dinamicamente alocado e clique em próximo.

criar vm 6

Em nosso caso selecionamos 10 Gb de espaço em disco. Você pode deixar o padrão ou aumentar esse tamanho.

criar vm 7

Pronto você já terminou de instalar criar sua máquina virtual, agora é só selecionar a ISO do sistema operacional e começar a instalação. Clique em armazenamento como mostra a imagem.

criar vm 8

Agora clique na opção vazio e depois no ícone à direita como mostra a imagem. Você pode colocar um disco já gravado em seu drive de dvd ou selecionar a ISO, em nosso caso iremos selecionar a imagem ISO do Ubuntu. Clique em “Selecione um arquivo de CD/DVD virtual…”  e clique em OK.

criar vm 9

Agora basta clicar no ícone Iniciar para começar a instalação.

criar vm 10

Conclusão

É isso ai pessoal, paramos por aqui, o post é bem simples mas irá ajudar bastante gente que fica perdida nessa parte de virtualização. Nos próximos posts iremos ensinar como realizar instalações de diversos sistemas operacionais utilizando máquinas virtuais. Espero que tenham gostado, não esqueçam de curtir nossas páginas nas redes sociais, isso é muito importante para o Guia do Ti. Até mais pessoal.

Siga me

Ricardo Galossi

É um apaixonado por segurança da informação, atua profissionalmente há mais de 7 anos na área de tecnologia da informação, onde é focado em análise de vulnerabilidades e testes de invasão.Criou o blog Guia do TI para compartilhar conhecimento, ajudar os mais novos, incentivar debates e manter a comunidade atualizada com as principais notícias da área de TI.
Ricardo Galossi
Siga me

Últimos posts por Ricardo Galossi (exibir todos)

Ricardo Galossi

É um apaixonado por segurança da informação, atua profissionalmente há mais de 7 anos na área de tecnologia da informação, onde é focado em análise de vulnerabilidades e testes de invasão. Criou o blog Guia do TI para compartilhar conhecimento, ajudar os mais novos, incentivar debates e manter a comunidade atualizada com as principais notícias da área de TI.

Deixe seu comentário